quarta-feira, 3 de agosto de 2011

quando o amor bate à porta...

Sabe quando você se sente sozinha, mesmo tendo um milhão de pessoas, mas você só queria uma?  Quando todo mundo quer ir pra balada e você só queria ficar em casa, debaixo do edredon, tomando chocolate quente e com um namorado? Quando você sente falta de uma pessoa do seu lado, que te encha de beijos, de carinho, que te faça feliz? Era mais ou menos assim que eu me sentia, e eu sei que várias pessoas sentem a mesma coisa.

Como é bom encontrar um amor, poder compartilhar vários momentos maravilhosos ou um simples passear de mãos dadas. Dormir de conchinha, ver filmes de terror e ter quem abraçar quando sentir medo, ter braços que te consolem, palavras que te afagam, sair pra comer em um restaurante super romântico ou ir no chinão da esquina e comer um salgado com refresco. Tudo fica perfeito, tudo fica lindo, tudo fica "blue".

É inexplicável essa sensação de companheirismo, de fidelidade, confiança que uma outra pessoa pode te passar.  Amar, se entregar, se jogar completamente numa relação, e desfrutar tudo de melhor que existe nela. Uma das melhores sensações do mundo e amar e ser amado; você se sente completo de qualquer forma, em qualquer momento. É maravilhoso dormir, sabendo que alguém pensa em você, que alguém te ama.

E como fica banal, sentir ciúmes quando uma pessoa abraça o seu amado, porque por um  momento ela está com o seu mundo nos braços.  Seu mundo vira uma psicodelia completa, com sensações que só o amor pode te mostrar.

O amor liberta, nós dá coragem, força, perseverança... O amor é TUDO! s2


* Queria agradecer ao Gelton, por me fazer a mulher mais feliz do mundo.

segunda-feira, 31 de janeiro de 2011

cansada dessa mesmice, de tanta babaquice... dessa eterna falta do que falar.

"um belo dia resolvi mudar e fazer tudo, que eu queria fazer"

é..
estou cansada de toda essa mesmice na minha vida ! 
agora, eu vou sair todos finais de semanas possíveis e impossíveis, ficar com quem eu quiser, sair com quem quiser me acompanhar, conhecer pessoas novas, lugares novos, provar sensações novas ! me dedicar a tudo que eu quero ser e/ou fazer de corpo e alma. o meu bem estar vai vir acima de tudo e todos, primeiro a MIM ! quero me esvair no ar, viajar muito, viver novas aventuras, gritar, cantar, pular, vibrar, sorrir, chorar de alegria . eu quero viver a minha vida intensamente e não ter tempo mais de nada, apenas de SER FELIZ !

quarta-feira, 12 de janeiro de 2011

amor próprio.

Quanto tempo sem passar por aqui, não? Enfim, feliz ano novo tudo de bom e blablabla.
Foi exatamente um fato do reveillon que me fez pensar e refletir em certos acontecimentos da vida...

Sabe quando você fica LOOOOOOOOOUCA pra telefonar, fuxicar o orkut/facebook/twitter, sentir aquele abraço, aquele beijo e o SEU AMOR não está ali. Totalmente frustrante.
Depois de passar momentos maravilhosos, de vocês estarem ficando a algum tempo, ele simplesmente CAGA pra você.  E ai, o que fazer?
Como já disse em outro post, sou leiga demais pra entender os homens. Mas entendo bem as mulheres por ser uma. Homens tem uma mesma metodologia, que eu realmente NUNCA conseguirei entender. Portanto, pense comigo: se ele gostar realmente de você, levar em conta todos os momentos ocorridos, ele VAI CORRER ATRÁS DE VOCÊ. Quanto mais você pisa num homem, mais ele corre atrás de você (está definitivamente comprovado por marilibano's studies').
Só corra atrás de um homem, se isso for recíproco, se ele te liga, fala sempre com você, te presenteia e tudo mais, CORRA E SEGURE ESSE HOMEM.
Fora isso, você deve pensar em você, SÓ EM VOCÊ! Se ele não retorna sua ligações, caga pra você, faça o mesmo, e se conforme... não era o homem certo; levanta, sacode a poieira e dá a volta por cima.
Abra seu coração, conheça o o amor prório. É pra esse amor que você tem que se doar completamente, em toda a sua vida. Porque se você não se amar, se valorizar, quem é que vai fazer isso por você ? Pense, repense e veja se esse homem vale mesmo a pena.
Todo mundo merece ser feliz, inclusive você. O amor só é bom, quando é recíproco; quando não é, só traz sofrimento. Repense! Se ame.

Um beijo pra todos e em especial, para a Amanda Murat, que me fez pensar um pouco sobre isso.